Soledade perto de ser a capital nacional das pedras preciosas

A Comissão de Educação (CE) do Senado aprovou projeto relatado por Lasier Martins (Podemos-RS) que dá a Soledade (RS) o título de Capital Nacional das Pedras Preciosas. O PL 5.978/2019 (PL 3.819/2012, na origem), de autoria do deputado Giovani Cherini (PL-RS), é o reconhecimento da cidade como um dos maiores polos exportadores de joias do Brasil. O texto seguiu ao plenário para a sua aprovação em definitivo.

O Sindipedras, entidade que reúne as indústrias gaúchas de mineração de pedra britada, informa que o município concentra 80% das exportações de pedras do estado, gerando cerca de 500 empregos diretos e outros 1,5 mil indiretos. A atividade se reflete em outras atividades econômicas em torno das pedras preciosas, como o turismo. A Feira Internacional de Pedras, Gemas e Joias é, por exemplo, referência mundial e a maior da América Latina, com expositores nacionais e do exterior.

(ASCOM)