Bancada gaúcha e governador discutem reforma da previdência

Lasier se encontrou hoje (11) com o governador do Rio Grande do Sul, com a bancada gaúcha no Congresso e representantes dos prefeitos do estado.  Em reunião-almoço, os parlamentares trataram das pautas de interesse do RS, com destaque para a aprovação da reforma da Previdência que inclua estados e municípios.

Glademir Aroldi, presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) e anfitrião do encontro, exortou os deputados e senadores da bancada a se empenharem na permanência de estados e municípios na Nova Previdência, o que pode permitir um alívio nas contas de governos e prefeitura já este ano. “Caso contrário, se nada for feito, em cinco anos estaremos discutindo o corte nos benefícios”, sublinhou.

Ele lembrou que, se aprovada a reforma, os 2,1 mil municípios com regime próprio de Previdência Social, impediriam o acréscimo de mais R$ 41 bilhões nas suas despesas previdenciárias, valor que subiria para R$ 170 bilhões em 10 anos.

Na oportunidade, o governador Eduardo Leite (PSDB) apresentou um retrato das finanças do estado seriamente marcado pelo desequilíbrio previdenciário, com déficit de R$ 12 bilhões este ano. A folha de pagamento está 59% comprometida com aposentadorias e pensões.

(ASCOM)